Pena de empresários envolvidos em fraude no Juaforró soma 77 anos de prisão - Som da Terra FM - sdt

Breaking

Post Top Ad

Post Top Ad

sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Pena de empresários envolvidos em fraude no Juaforró soma 77 anos de prisão



A Justiça Federal no Ceará condenou oito empresários por fraude em licitação no Juaforró, festival de música realizado em Juazeiro do Norte em 2008. As condenações somam 77 anos e oito meses, sendo a maior pena de 22 anos para o líder do esquema de desvio, de acordo com a sentença.

Para a realização do evento, o grupo realizou um convênio com o Ministério do Turismo e recebeu o valor de R$ 900 mil do Governo Federal. A suspeita da fraude partiu da denúncia de vereadores do município, ainda no ano da realização do evento.

Conforme investigação do Ministério Público Federal, os empresários realizaram o festival mesmo com o atraso do repasse da verba, alegando que os músicos convidados aceitariam receber o pagamento com atraso.

Ainda segundo apuração do MPF, foram identificados indícios de valores superfaturados. Uma das empresas vencedoras da licitação sequer existia, assim como seus sócios não residiriam nos endereços indicados em contrato social. A empresa de publicidade localizada que participava do consórcio vencedor era uma lan house "e não teria capacidade financeira para realização do evento".

De acordo com a denúncia, houve fraude desde o primeiros passos para a elaboração do evento, na escolha das empresas que iriam organizar realizar e elaborar a estrutura geral do evento Juaforró2008, com locação de palco, som, iluminação, segurança, apresentação de atrações nacionais, bandas regionais e grupos locais.


Com G1

Nenhum comentário:

Post Top Ad