Fim de semana com quatro mortes em acidentes de trânsito e três homicídios no Cariri - Som da Terra FM - sdt

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Fim de semana com quatro mortes em acidentes de trânsito e três homicídios no Cariri



Subiu de três para nove o número de mortes violentas na comparação entre os dois últimos finais de semana na região do Cariri. Neste, foram quatro vítimas fatais em acidentes de trânsito, três homicídios e dois casos de queda. Crato liderou o ranking negativo com três corpos e os demais de Juazeiro, Brejo Santo, Potengi, Araripe, Aurora e Milagres. Segundo levantamento feito pelo Site Miséria, quatro mortes ocorreram na sexta-feira, duas no sábado e três neste domingo.

Por volta das 18 horas de sexta-feira deu entrada para necropsia no IML de Juazeiro o corpo de Luiz Brito da Silva, de 44 anos, que residia na Rua 7, número 121 (Quadra G) do Conjunto Minha Casa Minha Vida no bairro Betolandia. No sábado, dia 1º de outubro, o mesmo sofreu uma queda em sua casa e foi socorrido ao Hospital Regional do Cariri, onde, na sexta-feira, a equipe médica diagnosticou sua morte cerebral e a família decidiu pela doação dos órgãos os quais foram captados.

Cerca de duas horas e meia depois o agricultor Damião David, de 46 anos, morreu ao ser atropelado por um veículo na rodovia estadual que liga os municípios de Crato e Farias Brito mais precisamente no Distrito de Ponta da Serra em Crato. A vítima residia na Vila São Francisco no Sítio Quebra na zona rural daquele município e faleceu no local do acidente devido à gravidade dos ferimentos.

Já às 22h30min, na BR-116 à altura da Vila Esperança situada a uma distância média de 5 Km para o centro de Brejo Santo, o agricultor Eneas Nicolau de Araújo, de 41 anos, morreu em acidente de trânsito. Ele residia no bairro Moro Dourado e atravessava a rodovia federal no seu cavalo quando terminou abalroado por um caminhão Mercedes Benz L1418 de cor azul, cujo motorista abandonou o veículo no local e fugiu após ver o homem morto na estrada ao lado do seu animal.

Meia hora após, porém na Rua Bom Jesus do bairro Zacarias Gonçalves em Crato, Felipe Beserra de Lima, de 21 anos, que residia na Rua Monsenhor Alboino (Seminário), foi morto com cinco tiros. Seu amigo Carlos Jardel Piancó, residente na Rua José Carvalho Xenofonte (Seminário), estava com a vítima e saiu lesionado no braço direito, mas não conseguiu identificar a autoria. No bolso de Felipe a polícia encontrou quatro cartuchos calibre 38 e, ao lado, sua moto Honda CG 150 Fan de cor preta.

Às 9 horas deste sábado morreu em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri em Juazeiro o jovem Antonio César do Nascimento Ferreira, de 29 anos, que residia na Rua Maria Augusta Paiva, 38 (Bairro Alto da Caixa Dágua) em Araripe. No último dia 2 de outubro ele pilotava uma motocicleta quando se envolveu num acidente naquela cidade. Antonio César foi socorrido ao hospital local e, depois, transferido ao HRC onde faleceu seis dias após devido a gravidade dos ferimentos.

Por volta das 23 horas morreu em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri em Juazeiro do Norte o agricultor José Alves de Oliveira, de 38 anos de idade. Ele morava no Sítio Caiçara na zona rural do município de Aurora onde sofreu uma queda e foi socorrido ao HRC com suspeita de traumatismo craniano, onde faleceu.

Já às cinco horas da madrugada deste domingo o agricultor Pedro Vieira da Silva, de 37 anos, que residia na Vila Saraiva em Potengi, tirava leite de uma vaca no curral ao lado de sua casa quando foi surpreendido por dois homens numa moto de cor preta os quais foram na direção da vítima vestidos de blusões e usando capacetes. Eles efetuaram três tiros de revolver calibre 38, causando sua morte no local. Familiares ouviram os estampidos e seguiram ao curral, mas já o encontraram morto ao lado da vaca e do balde com leite.

Às 16 horas morreu em um dos leitos do Hospital São Francisco de Crato o adolescente David Souza Batista, de 17 anos, que residia na Rua Santa Quitéria situada na Vila Grande na zona rural daquele município. Segundo informações, o mesmo foi lesionado com um tiro de garrucha na madrugada de sábado quando terminou socorrido por familiares, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu.

Cinco horas depois foi registrado um acidente com vítima fatal na BR-116 mais precisamente no Sítio Tamanduá na zona rural de Milagres. O jovem Antonio Marcos Santana de Souza, de 24 anos, que residia naquela localidade, foi atropelado por um ônibus da empresa Guanabara. Segundo populares, ele tinha ingerido bebidas alcoólicas e, ao atravessar a rodovia federal, não observou a aproximação do coletivo quando terminou atropelado e morto. O motorista do ônibus permaneceu no local do acidente.

As informações são da Agência da Miséria

Nenhum comentário:

Post Top Ad