Tiroteio deixa Policial Militar baleado e dois mortos em Quixadá - Som da Terra FM - sdt

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

sexta-feira, 8 de julho de 2016

Tiroteio deixa Policial Militar baleado e dois mortos em Quixadá

O tenente da Polícia Militar Marcos Paulo foi baleado no braço na tarde desta quinta-feira (7), e dois suspeitos foram baleados após perseguição policial (Foto: Reprodução)


Duas pessoas morreram e três ficaram feridas, entre elas um tenente da Polícia Militar, após tiroteio em Quixadá, a aproximadamente 167Km de Fortaleza. O episódio aconteceu uma semana depois que três policiais militares foram mortos e um baleado naquele mesmo município.

De acordo com informações do policiamento local, o tiroteio aconteceu por volta das 16h de ontem na Avenida Presidente Kennedy, bairro Campo Novo. Um homem, acompanhado de um adolescente, teria aproximado-se de um desafeto com o objetivo de assassiná-lo. A vítima, identificada como "Francisco Tauroni", voltava do trabalho quando foi abordada por Francisco Paulo do Nascimento Filho, 20, e um jovem de 15 anos.

Tiros foram disparos e, uma patrulha da Polícia Militar que passava pelo local, tentou intervir. Segundo os policiais, os suspeitos atiraram contra a composição militar, que revidou.

Em meio ao tiroteio, Francisco Paulo, "Francisco Tauroni"e o adolescente foram atingidos. Além deles, um tenente, que estava na viatura, também foi ferido no braço. O tiro transfixou o corpo do policial. Uma mulher de 42 anos, que passava próximo ao trecho da Avenida palco do tiroteio, também foi atingida por um tiro, de raspão. As vítimas feridas foram levadas ao Hospital Doutor Eudásio Barroso, naquela cidade.

A unidade de saúde confirmou que o homem de 20 anos e o adolescente de 15 sequer chegaram a ser atendidos: deram entrada no Hospital já sem vida. Francisco Paulo, conforme a Polícia, era ex-presidiário.

Os estados de saúde da vítima da tentativa de homicídio e da mulher ferida não foram informados à reportagem. O tenente Marcos Paulo, ferido no braço, estava no primeiro dia de serviços no município de Quixadá. Socorrido ao hospital local, foi posteriormente transferido ao Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza.

Fuzil

No último dia 31 de junho, o sargento Francisco Guanabara Filho, cabo Antônio Joel de Oliveira Pinto e o soldado Antônio Lopes Miranda Filho, foram mortos com tiros de fuzil por bandidos em Quixadá. O também sargento João Alves Campos ficou ferido naquela ação.

Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Post Top Ad