Seis atentados à bala em Crato e Juazeiro além de cinco homicídios em quatro dias no Cariri - Som da Terra FM - sdt

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

terça-feira, 19 de julho de 2016

Seis atentados à bala em Crato e Juazeiro além de cinco homicídios em quatro dias no Cariri

Cinco homicídios foram registrados em quatro dias no Cariri (Foto: Arquivo/Agência Miséria)


Num intervalo de quatro dias foram mortos a tiros no Cariri Rubismário Almeida Pereira, de 15, e Raimundo Tenório de Almeida, de 22, em Caririaçu; Lázaro Soares de Figueiredo, de 23, em Juazeiro; Ronildo Antonio da Silva, de 23, em Jardim; e Francisco Erivan Gomes de Souza, de 28 anos, em Campos Sales. Além disso, tivemos três atentados à bala em Juazeiro e outros três em Crato, bem como mais três casos de violência doméstica nesses dois municípios.

Na madrugada de sexta-feira, no estacionamento da ExpoCrato, um Soldado da PM lotado em Icó, sacou uma pistola calibre 380 e efetuou vários disparos, sendo preso por policiais civis e levados à Delegacia de Crato. Ele foi autuado por tentativas de homicídios contra J. E. R de L., residente em Juazeiro, e F. A do N., que mora no bairro Seminário em Crato. O primeiro sofreu um tiro de raspão na nuca e o outro no antebraço esquerdo e tórax, enquanto o PM terminou conduzido ao 2º BPM para adoção das medidas.

Por volta das 4 horas deu entrada no Hospital São Vicente de Barbalha uma jovem de 25 anos identificada apenas por Cícera lesionada com um tiro no abdômen por seu ex-companheiro perto de um bar na Avenida Leão Sampaio (Jardim Gonzaga) em Juazeiro. Às 17h30min, na Rua Dom Pedro II (Franciscanos) uma aposentada de 83 anos conhecida como Dona Luzia foi agredida com um soco no rosto por Edson da Silva, de 47 anos, o qual foi preso.

Cerca de duas horas depois, no cruzamento da Avenida Ailton Gomes com a Rua São Mamede daquele mesmo bairro, Cícero Wagner, de 20 anos, foi lesionado com um tiro no ombro após uma discussão no trânsito quando pilotava sua moto. Já às 21 horas o jovem Rafael de Queiroz, de 29 anos, residente no bairro Alto da Alegria em Barbalha, foi seqüestrado por dois homens perto do Medical Center (Triângulo) os quais o colocaram no porta mala do seu próprio carro um veículo Corolla de cor preta.

Na Rua São Pedro, perto do Mercado Senhora Santana, conseguiu sair do cárcere na base de pontapés, mas, ao correr, foi lesionado com um tiro de raspão nas costas e socorrido à Clínica São José, enquanto a dupla fugiu no Corolla. Às 10 horas da manhã de sábado o veículo foi encontrado abandonado perto do Loteamento Juá Ville na Vila Três Marias, sendo levado para a Delegacia.

Já às 05h30min deste domingo, na Rua São Benedito (Bairro Seminário) em Crato, Renato Carlos da Silva, de 20 anos, foi alvejado com um tiro – após sair do Parque da ExpoCrato - efetuado por um homem que fugiu numa moto Honda Bros de cor preta. Uma hora depois, na Rua Duarte Júnior no mesmo bairro, Antonio Ribeiro disse que foi perseguido por três jovens os quais o agrediram e terminou socorrido pelo SAMU ao Hospital Regional do Cariri.

No mesmo horário, porém na Rua Rodolfo Teófilo perto do DERT no centro de Crato, uma mulher de 40 anos, residente no bairro Vila Alta acusou seu companheiro de tê-la agredido o qual foi preso. Enquanto isso, às 18h30min, na Rua Manoel da Confiança (Frei Damião) em Juazeiro, Cícero Moreira, de 43 anos, ali residente, foi lesionado com um tiro no braço direito e socorrido por populares ao Hospital Regional do Cariri.

Com informações do Site Miséria 

Nenhum comentário:

Post Top Ad