URCA, UFCA E IFCE apresentam projetos de inclusão digital no Cariri ao ministro das Comunicações - Som da Terra FM - sdt

Breaking

Post Top Ad

Post Top Ad

segunda-feira, 25 de abril de 2016

URCA, UFCA E IFCE apresentam projetos de inclusão digital no Cariri ao ministro das Comunicações



Projetos voltados para a inclusão digital serão desenvolvido no Cariri pelo Ministério das Comunicações, por meio da Universidade Regional do Cariri (Urca), Universidade Federal do Cariri (UFCA) e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE). Uma reunião com o ministro das Comunicações, André Figueiredo, foi realizada no último dia 19para tratar do assunto, na UFCA, em Juazeiro do Norte.

Na ocasião, foi apresentado um pacote de seis projetos pelas instituições. O projeto-base prevê a criação de um Núcleo de Inclusão Digital na região. A Urca também será responsável pela implantação de  um telecentro para os romeiros, no Centro Multiuso, em Juazeiro do  Norte, onde atualmente estão em funcionamento a Lira Nordestina e o  Instituto de Pesquisa Sócio Culturais José Marrocos (Ipesc).

O professor Ricardo Damasceno, do Departamento de Ciência e Tecnologia (CCT) da Urca, fez a apresentação de projetos da Universidade, inclusive destacando o papel da Instituição na região do Cariri. Ele participou da reunião com o pró-reitor adjunto da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PRPGP), Germane Pinto, além dos representantes da UFCA e IFCE.
Segundo o professor Ricardo Damasceno, outro projeto está relacionado à implantação de pontos de inclusão digital, por meio do Ministério das Comunicações, através da capacitação, além de um modelo de Cooperativa de Inclusão Digital para Jovens da Agricultura Familiar, pelas três instituições.

De acordo com Damasceno, a meta do Ministério é poder atuar com um projeto voltado para a inserção digital do romeiro. Por conta dessa proposta, foi apresentada a ideia do telecentro, imediatamente aceita pelo ministro André Figueiredo. O equipamento estará voltado para esse público nos três expedientes, nas romarias que ocorrem na cidade.

O ministro afirma que o projeto de fazer inclusão digital, inclusive de romeiros, é ambicioso, chegando a pessoas que ainda estão afastadas da realidade virtual. “Essa experiência vindo principalmente de universidades que estão no universo das romarias, certamente será piloto para que esse projeto seja levado para outras populações do país, onde há pessoas de baixa renda, e também excluídas do mundo digital”, afirma.

Em março último, o ministro esteve na URCA, em Crato, com o secretário de Inclusão Digital do ministério, Américo Bernardo. Na ocasião, eles foram recepcionados pelo reitor da Urca, professor Patrício Melo, e o vice-reitor, Lima Júnior, além de pró-reitores e diretores de centro e Departamento de Tecnologia da Informação (DTI), e foi proposta uma ação conjunta, na elaboração de pesquisas, para a interligação digital entre municípios da região, que já tenham cidades digitais, passando por aplicativos relacionados à cultura, além da possibilidade de trabalhar na inclusão digital dos romeiros.


Fotos: Priscila Luz (Assessoria da UFCA)




22.04.2016


Universidade Regional do Cariri  (URCA)
Núcleo de Comunicação
(88) 3102-1213 - 9 - 8812.5525  ramal 2617
www.urca.br – Crato, 22 de abril de 2016.

Nenhum comentário:

Post Top Ad