Mesmo com 4º ano de seca, prefeituras cearenses não poupam gastos com Réveillon - Som da Terra FM - sdt

Breaking

Post Top Ad

Post Top Ad

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Mesmo com 4º ano de seca, prefeituras cearenses não poupam gastos com Réveillon

Divulgação

O Ceará passa pelo quarto ano seguido de estiagem, e o Brasil pelo momento de retração econômica. Apesar do cenário, gestores de municípios cearenses vão realizar as tradicionais festas de Réveillon, nesta quinta-feira (31).

Segundo informações da Rádio Tribuna BandNews FM, o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) emitiu, em novembro, ofícios advertindo as prefeituras a diminuírem as despesas com festividades, tendo em vista que 150 cidades continuam em situação de emergência por conta da seca.

“Comunicamos, mostramos as dificuldades que há de vir, não só no final do ano, mas também no próximo ano. Sugerimos que diminuíssem o máximo a despesas das festas não só de final de ano, como também o Carnaval. Municípios em estados de emergência não devem estar fazendo gastos com despesas que não são consideradas essenciais, como saúde e educação. Alguns deles cancelaram, outros alegaram que significava renda para o município”, explica o presidente do TCM, Francisco Aguiar.

Piquet Carneiro, por exemplo, na região centro sul do Estado, é um dos municípios que está em situação de emergência por causa da estiagem, mas vai realizar a festa. O prefeito da cidade e também presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará, Expedito Nascimento, são a favor das festividades.

“É um momento que a comunidade, os filhos das pessoas que moram fora, vêm para o município é um momento de congraçamento. Então se o município tem como bancar, ou se conseguiu verba extra para fazer, nós orientamos que o faça”.

Ainda de acordo com o TCM, cerca de 30 municípios tiveram os processos de licitação das festas de final de ano suspensos pelo órgão por irregularidades.

Com Tribuna do Ceará

Nenhum comentário:

Post Top Ad