Aprovação de parecer do TCM na Câmara Municipal, evidencia crise no grupo político do prefeito Hellosman - Som da Terra FM - sdt

últimas

Post Top Ad

Post Top Ad

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Aprovação de parecer do TCM na Câmara Municipal, evidencia crise no grupo político do prefeito Hellosman

Foto: Diario do Nordeste
A crise no grupo político do Prefeito Hellosman Sampaio (PMDB), evidenciado na sessão extraordinária da Câmara Municipal que aprovou o parecer desfavorável do TCM das contas de governo de 2012 de sua responsabilidade, repercute na imprensa regional.
Pela segunda vez, em menos de quinze dias, o presidente da Câmara Municipal, Ubelardo dos Santos (PMDB), votou contra a orientação do prefeito, evidenciando um possível rompimento político entre os dois.
O jornalista político Madson Vagner, que assina semanalmente uma coluna no Jornal do Cariri e escreve também para sites como Miséria e Ceará News 7, comentou em seu blog a votação da última sexta-feira da Câmara Municipal de Milagres, já considerando Ubelardo dos Santos como ex-aliado do prefeito. Segundo ele, Ubelardo rompeu com o gestor desde que foi descartado como possível nome para sucessão de 2016.
“Hellosman paga um alto preço pelo descarte precoce do nome de Ubelardo. Essa é a segunda grande derrota do prefeito em menos de 15 dias, sob o comando do presidente. A primeira foi com uma dívida da Previmil, quando a Câmara não permitiu o parcelamento de mais R$ 200 mil”, escreveu o jornalista.
Apesar das duas votações em que contrariou a orientação de Hellosman Sampaio, Ubelardo dos Santos não declarou publicamente que tenha rompido politicamente com o prefeito.
Em entrevista concedida no último sábado a Rádio Onda Sul FM, o prefeito Hellosman também não afirmou ter rompido com o presidente da Câmara, mas demonstrou insatisfação com o trabalho de Ubelardo na condução do processo de votação de suas contas de governo. “Não é possível que se trabalhe com tanta injustiça como ele [Ubelardo] trabalhou na votação dessas contas, um interesse acima de tudo de me prejudicar”, afirmou.
Hellosman Sampaio ainda disse que Ubelardo nunca foi de oposição e que a oposição não acredita nele. “Ele [Ubelardo] contrariou todas as orientações do partido, a fidelidade partidária existe”, lembrou o atual gestor.
Ainda na entrevista, o Prefeito Hellosman disse que vai tentar na justiça anular a sessão da Câmara Municipal que aprovou o parecer do TCM que o tornou inelegível por oito anos.
 

Nenhum comentário:

Post Top Ad